Coimbra, Capital da Cultura.. da Batata

Ano após ano habituámo-nos a ver o Parque Manuel Braga ser afectado por uma prática, ora deixa cá ver como posso dizer isto de uma forma simpática.. já sei.. “vandalização institucional”.

Eu não sou botânico.. apenas interessado.. e nesta condição quero chamar a atenção para a intitulada “Poda Camarária” que sucede anualmente neste e noutros concelhos por esse país fora. Só que o plátano é uma espécie particularmente sensível, tão sensível quanto belo..

Passo a explicar, este tipo de acções por parte dos funcionários camarários, para além de fragilizar a estrutura da árvore devido à redução da base de sustentação, propicia a morte de parte das raízes que levam a água e os nutrientes minerais para os ramos, ramos através dos quais recebiam, por sua vez, açúcares elaborados pelas folhas durante o verão. Para já não falar que pelos cortes abertos entram inúmeros fungos causadores de doenças da madeira, que podem acabar por enfraquecer e até matar a árvore, até pelo facto das árvores podadas demorarem mais a rebentar na primavera, estando mais tempo expostas..

Como, volto a repetir, não sou botânico exponho a minha opinião neste artigo na esperança de que alguém mais entendido que eu me elucide e me diga que esta é uma medida benéfica para a árvore. É que muito me espanta que numa cidade que foi capital nacional da cultura e queria ser capital europeia da cultura não saiba que está a prejudicar o seu próprio património, numa simples medida de “higienização” sem qualquer sentido..

Daniel Tiago

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s